Share on FacebookShare on LinkedIn

Se você colocar R$ 100 mil em aplicações de baixo risco, o mais provável é que tenha um rendimento mensal entre R$ 400 e R$ 500.

Esses números têm como base as projeções do Ranking Renda Fixa Macro 3ª Edição, feitas pelo economista Pedro Vartanian Raffy, em parceria com o blog Dinheiro pra Viver.

As aplicações de baixo risco tendem a ter os seguintes rendimentos nos próximos 12 meses:

Quanto rendem as aplicações de baixo risco (projeção)

Tipo de aplicaçãoRentabilidade líquida nos próx. 12 meses
Poupança5,00%
Tesouro Selic5,62%
CDB a 90% do CDI5,22%
CDB a 100% do CDI5,80%
CDB a 110% do CDI6,38%

Veja que a poupança deve render 5%. O Tesouro Selic, título de mais baixo risco do Tesouro Direto, tende a render um pouco mais, 5,6%.

Quem conseguir um CDB (Certificado de Depósito Bancário) que pague 110% do CDI vai ganhar uma rentabilidade maior, de aproximadamente 6,4%.

Todos esses números já descontam o Imposto de Renda e taxas.

Aplicando R$ 100 mil no Tesouro Selic, você deve ter um rendimento médio de R$ 407 por mês na poupança. Se deixar o dinheiro parado lá durante os próximos 12 meses, deve acumular um rendimento total de R$ 5.000, conforme a tabela abaixo.

Quanto rendem R$ 100 mil

Tipo de aplicaçãoRendimento em 12 mesesRendimento por mês
PoupançaR$ 5.000R$ 407
Tesouro SelicR$ 5.620R$ 457
CDB 90%R$ 5.220R$ 425
CDB 100%R$ 5.800R$ 471
CDB 110%R$ 6.380R$ 517

Repare que com um CDB é possível conseguir um rendimento superior a R$ 6.000 mensais, ou seja, R$ 1.000 a mais do que na poupança.

Só vale ficar atento porque, normalmente, um CDB com rendimento de 110% do CDI não tem liquidez diária, ou seja, você não pode resgatar seu dinheiro a hora que quiser; somente na data de vencimento.

Mas cuidado para não tomar uma decisão precipitada. Se você tem R$ 100 mil e quer usar o rendimento desse dinheiro para complementar a sua renda, você não pode gastar o valor que está ali marcado na coluna da direita dessa tabela.

Exemplo: se você aplicou no Tesouro Selic, veja que o rendimento mensal é de R$ 457. Você não pode gastar os R$ 457 todo mês. Ou melhor: poder, você pode. Mas saiba que se fizer isso, seu patrimônio será corroído pela inflação.

Se o objetivo é gastar o rendimento das suas aplicações, deixando a parte principal do patrimônio intacta, o correto é gastar somente o que render acima da inflação.

Como a inflação prevista para os próximos 12 meses é de 3,7%, então a projeção de rendimento das aplicações de baixo risco fica assim:

Projeção de rendimento real para uma aplicação de R$ 100 mil

Tipo de aplicaçãoRent. líq. realRendimento nos próx. 12 meses (real)Rendimento por mês (real)
Poupança1,25%R$ 1.250R$ 104
Tesouro Selic1,85%R$ 1.850R$ 153
CDB 90%1,47%R$ 1.470R$ 122
CDB 100%2,03%R$ 2.030R$ 168
CDB 110%2,58%R$ 2.580R$ 212

Dessa forma, para quem quer viver de renda, o ideal é considerar como rendimento a taxa mostrada na tabela acima.

Aplicando R$ 100 mil no Tesouro Selic, portanto, só permite a você retirar R$ 153 por mês. Mais do que isso e você deixará o seu patrimônio ser corroído pela inflação.

 

 

Share on FacebookShare on LinkedIn

Sílvio Crespo

Jornalista econômico e educador financeiro. Foi editor-assistente de Economia do portal do Estadão. Ganhou duas vezes o prêmio de melhor blog do jornal O Estado de S. Paulo e uma vez o prêmio Case New Holland de Jornalismo, pelo blog Achados Econômicos, do UOL.